www.visitportugal.com

Aveiro - Itinerário Acessível

Mapa de Aveiro - Itinerário Acessível 
Local: Aveiro
Foto: ICVM
Foto: ICVM

Desde há muitos séculos com uma história ligada ao mar e às atividades piscatórias, Aveiro tem um ambiente caraterístico que se deve aos três canais da Ria, que entram cidade adentro, criando eixos de referência e uma divisão natural entre os bairros mais antigos e mais recentes. Para a visitar, propomos um Itinerário Acessível por vários pontos de interesse, que poderá complementar com um passeio na ria num dos coloridos moliceiros tradicionais, descobrindo e apreciando uma perspetiva diferente da cidade.

Acompanhe este itinerário com o mapa

Jardim do Lago da Fonte Nova (1) – Sé Catedral de Aveiro (2) – Museu de Santa Joana (3) – Igreja da Misericórdia (4) – Praça da República (5) -  Teatro Aveirense (6) – Jardim do Rossio (7) – Museu de Arte Nova de Aveiro (8) – Praça do Peixe (9) – Igreja da Vera Cruz (10) – Capela de São Gonçalinho (11) – Parque Infante D. Pedro (12) – Igreja de São Francisco (13) – Universidade de Aveiro (14) – Museu da Cidade de Aveiro (15)

A cidade de Aveiro é praticamente plana e o pavimento encontra-se em bom estado de conservação, permitindo uma circulação regular, estável e segura. A comprová-lo, o facto de a bicicleta ser um meio de transporte muito utilizado, o que motivou a Câmara Municipal a disponibilizar um sistema de bicicletas públicas gratuitas.


© Turismo Centro de Portugal

No centro histórico, as passadeiras têm avisos sonoros e sinalização luminosa vertical. Pontualmente, os passeios têm ausência de rebaixamento ou o pavimento é feito em paralelo de basalto, provocando trepidação e irregularidade no momento de atravessar. Por toda a cidade, em particular nas ruas pedonais, a presença de esplanadas é frequente, obrigando a uma circulação mais atenta. Numa cidade tão acessível para circular, verifica-se, no entanto, que os edifícios e os estabelecimentos comerciais frequentemente têm degraus na entrada o que dificulta o acesso a quem se desloca em cadeira de rodas.

Propomos um itinerário que começa acompanhando a margem direita do Canal Central da Ria, no Jardim do Lago da Fonte Nova (1), um espaço amplo, em frente do edifício emblemático do Centro de Congressos de Aveiro, instalado numa antiga fábrica de cerâmica.


Sé Catedral de Aveiro © Sergio Gutierrez Getino | Shutterstock

Seguindo pela Avenida 5 de Outubro, iremos encontrar a Sé Catedral (2), onde não haverá dificuldade  em entrar. No interior, de referir os exemplos de arte sacra do altar mor e das capelas laterais, produzidos entre os séculos XVI e XVIII. Passando, no adro exterior, por um cruzeiro gótico do séc. XV vemos, do outro lado da rua, o Museu de Aveiro (3). Está instalado no antigo Convento de Jesus, onde viveu Santa Joana Princesa, entre 1472 e 1490, uma figura incontornável na história da cidade, filha do rei Afonso V. A área conventual merece a visita, assim como o museu, com coleções de Pintura, Escultura, Talha, Azulejo, Ourivesaria e Têxteis, dos séculos. XIV-XV ao séc. XIX, provenientes de conventos extintos de Aveiro e de outras regiões do país.


Universidade de Aveiro © Turismo Centro de Portugal

Se continuasse na avenida do Museu de Aveiro, que aí toma o nome de Avenida Santa Joana, iria encontrar o Parque Infante D. Pedro (12), a Igreja de São Francisco (13) e os edifícios contemporâneos do Campus Universitário de Aveiro (14), da autoria de vários arquitetos de referência como Siza Vieira, Souto de Moura, Alcino Coutinho, Carrilho da Graça, e Gonçalo Byrne. No itinerário sugerido, seguimos para a Praça da República (5), revestida a calçada portuguesa, regular e sem desníveis, permitindo uma circulação estável. Pode ir pela Rua do Batalhão de Caçadores, acessível, mas um pouco inclinada, ou por ruas mais secundárias como a Rua dos Combatentes da Grande Guerra. Antes de chegar à passagem para a outra margem, passará perto da Igreja da Misericórdia (4). O interior com revestimento azulejar barroco é interessante, mas a escadaria da entrada dificulta o acesso.


Aveiro © Emanuele Siracusa

Passando a ponte sobre o Canal Central, encontramos o Jardim do largo do Rossio (7), ideal para descansar, fazer uma pausa, apreciar a ria, iniciar um passeio de moliceiro ou mesmo almoçar, pois encontra muitos restaurantes na envolvente e próximo do Mercado do Peixe (9).

Ainda no Jardim do Rossio, na Rua Dr. Barbosa Magalhães, poderá visitar sem dificuldade o Museu de Arte Nova de Aveiro (8), dedicado a um estilo decorativo a que não se ficará indiferente quando se passeia na cidade. Repare nas fachadas de azulejo, na decoração dos frisos ou nos trabalhos de ferro forjado das janelas e varandas. Continuando a acompanhar a ria, seguindo pela Rua João Mendonça, encontra o Museu da Cidade de Aveiro (15), com condições de acessibilidade garantidas. De visita imprescindível para quem quiser saber mais sobre a história da cidade, também propõe percursos em Aveiro, prolongando a experiência do museu em passeios pela cidade.


Cais dos Botirões © Emanuele Siracusa

Em alternativa, poderá voltar ao Jardim do Rossio, entrando no bairro da Beira Mar onde fica o Cais dos Botirões, um dos outros canais de Aveiro. Nesta área, a acessibilidade é parcial obrigando a circular na faixa de rodagem, juntamente com os veículos e, por isso, recomenda-se a adoção de uma atitude preventiva e atenta.

Nas proximidades, fica a Capela de São Gonçalinho (11), um santo de grande devoção dos pescadores aveirenses que o celebram numa romaria no início de janeiro. Um dos pontos altos é o momento em que os romeiros pagam as suas promessas, distribuindo cavacas (bolos secos feitos de claras de ovos, farinha e açúcar) pela população que se reúne em volta da capela. No interior, de referir a curiosa planta em hexágono que se repete na sacristia. Não muito longe, encontrará também a Igreja de Vera Cruz (10). O revestimento azulejar e o retábulo de talha do altar mor podem justificar uma visita. No entanto, a entrada é dificultada pela pequena escadaria.


Ovos Moles de Aveiro © Emanuele Siracusa

Para completar a visita à cidade de Aveiro, aprecie a gastronomia local e as especialidades regionais, como a doçaria conventual em que se destacam os ovos moles, que se encontram em todas as pastelarias da cidade.


Pesquisa avançada
Planeamento Veja os favoritos que selecionou e crie o seu Plano de Viagem ou a sua Brochura.
Esqueceu a sua password?
Faça login através de redes sociais
*Aguarde por favor. *As instruções de recuperação de password serão enviadas para o seu e-mail. *E-mail não enviado. Tente novamente.
Faça login através de redes sociais

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação e não guarda dados identificativos dos utilizadores.
Poderá desativar esta função na configuração do seu browser. Para saber mais, consulte os Termos de Utilização e Tratamento de Dados Pessoais

close