www.visitportugal.com

Volta à Ilha da Madeira

Vista panorâmica
Local: São Vicente
Foto: Turismo da Madeira
Foto: Turismo da Madeira

Apesar de ter uma superfície pequena, a Madeira é rica em cenários majestosos e de rara beleza. A melhor forma de conhecer os seus encantos, é alugar um carro e partir à descoberta deste jardim flutuante!

Saindo do Funchal para oeste, descobrimos a típica vila piscatória de Câmara de Lobos e o Cabo Girão, o mais alto promontório da Europa e o segundo mais alto do mundo - 580 m.

Encontramos ainda neste concelho a peculiar freguesia do Curral das Freiras. Situada num vale profundo, o Curral das Freiras apresenta uma das paisagens mais impressionantes da ilha que, com as suas vistas vertiginosas (mais de 500 metros de altura, do miradouro - Eira do Serrado), causam admiração a qualquer visitante.

Continuando para oeste, visitamos a Ribeira Brava antes de subir até à Encumeada num percurso recheado de miradouros. Outra alternativa é seguir em direção às costas soalheiras da Ponta do Sol e da Calheta, onde não faltam zonas balneares que convidam a banhos e muitos mergulhos. Podemos ainda visitar o Centro de Artes Casa das Mudas, que ao longo de todo o ano apresenta um extenso programa cultural. Para os mais desportistas, as praias das pitorescas vilas do Jardim e do Paul do Mar oferecem excelentes ondas para surfar.

Subimos até ao Paul da Serra, o maior planalto da Madeira, e fazemos uma pausa para apreciar a bela vista sobre as encostas. Seguimos em direção ao Porto Moniz e retemperamos forças num mergulho revigorante nas famosas piscinas naturais na rocha. Com crianças, uma boa opção é visitar o Aquário da Madeira.

A viagem segue rumo a S. Vicente numa estrada salpicada de quedas de água, de onde ressalta à vista o contraste do verde majestoso com o azul cristalino das águas do mar. Aqui podemos visitar as Grutas e o Centro do Vulcanismo, o Núcleo Museológico - Rota da Cal, ou simplesmente passear nas ruelas da simpática vila.

Depois existem duas opções: subir novamente para a Encumeada para se admirar a luxuriante vegetação da floresta Laurissilva, ou continur em direção a Santana descobrindo pequenos miradouros por entre belos vales e montanhas.

Em Santana podemos visita as casas típicas, o Parque Temático e à zona das Queimadas, que constitui o local de partida para belíssimos passeios a pé como o Caldeirão Verde. A descida para o Faial surpreende uma vez mais pela beleza e imponência das montanhas.

Chegando ao Faial, podemos seguir para Machico ou continuar a visitar o interior da ilha, seguindo a estrada para as localidades do Ribeiro Frio, Poiso e Pico do Areeiro. Este pico constitui o terceiro ponto mais alto da ilha (1818 m), nele se encontrando belas formações rochosas que se projetam no céu como estátuas sem tempo.

Em Machico, vale a pena ir ao Caniçal e à Ponta de São Lourenço, o ponto mais oriental desta ilha.

Já de volta ao Funchal, são imperdíveis as vistas para as Ilhas Desertas na Ponta do Garajau, e uma panorâmica fabulosa sobre baía no miradouro de São Gonçalo.


Pesquisa avançada
Planeamento Veja os favoritos que selecionou e crie o seu Plano de Viagem ou a sua Brochura.
Esqueceu a sua password?
Faça login através de redes sociais
*Aguarde por favor. *As instruções de recuperação de password serão enviadas para o seu e-mail. *E-mail não enviado. Tente novamente.
Faça login através de redes sociais

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação e não guarda dados identificativos dos utilizadores.
Poderá desativar esta função na configuração do seu browser. Para saber mais, consulte os Termos de Utilização e Tratamento de Dados Pessoais

close