www.visitportugal.com

Live Chat

Monumentos

Igreja da Graça - Santarém

Igreja da Graça - Santarém

Monumentos

A Igreja da Graça data do século XIV (1380) e a sua construção deve-se à vontade de D. Afonso Telo de Menezes, 1º Conde de Ourém, que resolveu fundar na vila um convento seguindo a regra de Santo Agostinho. Esta igreja revela, em Santarém, o esplendor do estilo gótico-flamejante, seguindo as inovações arquitectónicas e decorativas que eram ditadas pelo Mosteiro da Batalha.

A fachada é um dos aspectos mais interessantes desta igreja. É harmoniosamente marcada por um elegante pórtico de arquivoltas, sobreposto por um arco conopial, muito frequente na linguagem gótica flamejante, e envolvido por uma moldura finamente decorada que preenche todo o espaço do corpo central. Ao alto, uma impressionante rosácea de grande qualidade, que dizem feita de uma só pedra, revela a maturidade estilística dos artistas.

Uma das características particulares deste templo é o desnível que existe com o exterior. Descendo alguns degraus temos acesso ao amplo interior, de três naves, com o ritmo marcado por grandes colunas. A cabeceira, um pouco mais baixa, é coberta por uma abóbada de cruzaria de ogivas e decorada por altas janelas que iluminam o altar. A iluminação é completada pela rosácea e pelas várias fenestras ao longo do corpo da igreja, revelando um entendimento perfeito da estrutura gótica.

No braço direito do cruzeiro (lado da Epístola), está o túmulo conjunto de D. Pedro de Menezes, neto do fundador, e de D. Beatriz Coutinho, sua mulher, com esculturas jacentes de mãos dadas, à maneira dos túmulos no Mosteiro da Batalha. Fiel servidor de D. João I, foi Governador de Ceuta entre 1415 e 1437, 1º Conde de Vila Real e 2º Conde de Viana do Alentejo. Na decoração flamejante da arca tumular, encontramos a representação da sua divisa por diversas vezes: um ramo de zambujeiro e a palavra "Aleo" aludindo ao orgulho do guerreiro que participou na conquista de Ceuta (em 1415).

Em frente ao altar, num absidíolo do lado direito, encontramos a sepultura em campa rasa de Pedro Álvares Cabral, com uma simples inscrição gótica.

Contactos

Morada:
Largo da Graça ou Largo Pedro Álvares Cabral 
2000-091 SANTARÉM
Telefone:
+351 243 304 441
Fax:
+351 243 304 400


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Sé Catedral de Lisboa

Sé Catedral de Lisboa

Monumentos

Datada de 1147, a Sé da Lisboa é um dos seus ex-libris e também um dos símbolos da Reconquista cristã do território.

A Sé foi construída quando o primeiro rei de Portugal, D. Afonso Henriques, conquistou a cidade aos mouros, em 1147. No local existia uma mesquita muçulmana.

Em termos de arquitectura, nasceu segundo o estilo românico da época, também presente na Sé de Coimbra, mas nos séculos seguintes sofreu transformações importantes em estilo gótico, em que se destaca o deambulatório, mandado construir por D. Afonso IV (1291-1357) para seu panteão familiar.

No interior, merece referência a capela de Bartolomeu Joanes, capela privada de um importante burguês da Lisboa medieval, e o claustro de planta irregular, uma obra inovadora no estilo gótico português mandado construir pelo rei D. Dinis (1261-1325).

Nos séculos XVII e XVIII, foram efectuadas obras em estilo barroco, sobretudo a nível decorativo nos altares e na capela-mor. Na primeira metade do séc. XX, procedeu-se ao restauro do carácter medieval da Sé.

Contactos

Morada:
Largo da Sé
1100-585 Lisboa
Telefone:
351 21 887 66 28
Fax:
351 21 886 67 52


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Santuário de Nossa Senhora da Penha

Santuário de Nossa Senhora da Penha

Monumentos

A capela foi mandada construir, em 1652, passando, posteriormente, em 1727, a servir ao Convento da Imaculada Conceição, do qual era anexo.

Na capela, merecem uma especial referência os azulejos parietais, de Policarpo de Oliveira Bernardes, e o púlpito.

A peregrinação anual realiza-se no 2.º Domingo de Setembro.

Contactos

Morada:
Monte da Penha 
4800 Guimarães
Telefone:
+351 253 412 475


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Igreja Matriz - Melgaço

Igreja Matriz - Melgaço

Monumentos

A Igreja Matriz é também conhecida como Igreja de Santa Maria da Porta – nome que lhe foi emprestado por se encontrar próxima da porta principal do primitivo castelo.

Apesar de a sua construção datar de 1187, a configuração que hoje em dia podemos apreciar é resultado das sucessivas remodelações de que foi alvo. Foi muito alterada na época barroca, remanescendo, apesar disso, dois interessantes portais românicos que valem a pena admirar.

Atravesse um desses portais, o que se situa na fachada principal, aproveitando para conhecer o interior, onde se destaca, na capela lateral esquerda, um retábulo datado de finais do século XVI, da autoria de António Figueiroa.

De volta ao exterior, atente na torre sineira e nos pormenores que rodeiam o portal. Dando a volta à igreja, encontramos, no lado lateral norte, uma interessante figura em relevo a encimar o portal – segundo alguns autores, trata-se de um lobo, enquanto outros afirmam ser um leão. Um pormenor peculiar numa construção de índole religiosa.

Contactos

Morada:
Rua Direita
4960-542 Melgaço
Telefone:
+351 251 402 440


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Castelo de Aljezur

Castelo de Aljezur

Monumentos

Foi a génese da povoação de Aljezur no período islâmico, embora tenham sido descobertos vestígios arqueológicos que fazem remontar à Idade do Bronze a ocupação do cabeço, havendo evidências de uma ocupação contínua até à Idade Moderna.

Edificado em alvenaria de pedra, o recinto fortificado tem uma planta poligonal adaptada ao terreno. Adossados à muralha, foram edificados um torreão semicircular, a norte, e uma torre quadrangular, a sul. No interior há uma cisterna e as ruínas de um conjunto de habitações que estiveram em uso no período medieval cristão.

O Castelo de Aljezur integrava o sistema defensivo de Silves nos séculos XII e XIII, passando com a reconquista cristã para a posse da Ordem Militar de Santiago da Espada e sendo integrado no território português. Foi perdendo a sua importância estratégica e no século XVI já se encontrava abandonado. As muralhas foram parcialmente reconstruídas nos anos 40 do século XX.

Contactos

Morada:
Rua Dom Paio Peres Correia - Cabeças
8670-056 Aljezur
Telefone:
+351 289 896 070
Fax:
+351 289 803 633


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Igreja do Salvador, de Freixo de Baixo

Igreja do Salvador, de Freixo de Baixo

Monumentos

O Mosteiro do Salvador de Freixo de Baixo é, apesar de ter sofrido bastantes transformações, um excelente exemplar do românico do século XIII. Da sua estrutura original é de destacar o portal principal de notável qualidade técnica. Devemos também realçar a imponente torre que se ergue no lado sul do adro da igreja. A espacialidade deste último corresponde àquilo que, em tempos, foi a primitiva galilé, da qual ainda se veem trechos dos alicerces.

Integra a Rota do Românico do Tâmega e Sousa.
Contactos

Morada:
Rua do Mosteiro 4600-613 Freixo de Baixo
Telefone:
+351 255 810 706
Fax:
+351 255 810 709


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Igreja de São João de Deus

Igreja de São João de Deus

Monumentos

Projectada para a Praça de Londres pelo arquitecto António Lino, a Igreja de São João de Deus foi inaugurada em 1953, numa zona de Lisboa que ainda hoje é popularmente conhecida por “Avenidas Novas”. Esta área da cidade desenvolveu-se na primeira metade do séc. XX com a construção de novos bairros, que trouxeram um consequente aumento do número de habitantes, o que por sua vez tornou necessária a criação de novas paróquias.

A Igreja, que é simultaneamente monumental e funcional, bela e sóbria, foi desenhada com a preocupação de aproximar os fiéis do altar, em contraste com o distanciamento que até aí vigorava entre o padre e a assembleia.
Contactos

Morada:
Praça de Londres 1000-074 Lisboa
Telefone:
+351 21 843 74 50
Fax:
+351 21 843 74 58


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Igreja do Salvador de Lufrei

Igreja do Salvador de Lufrei

Monumentos

Transformado em igreja paroquial após a transferência das freiras beneditinas, que o ocupavam, para o convento de São Bento de Avé Maria no Porto, no século XVI, o antigo Mosteiro do Salvador de Lufrei foi provavelmente fundado no século XII. Trata-se de um testemunho do românico tardio, confirmado pela composição do portal principal, constituído por arquivolta de arco quebrado, isento de colunas, de tímpano e de qualquer elemento ornamental, e pelos cachorros de desenho quadrangular e sem ornamento.

Integra a Rota do Românico do Tâmega e Sousa.
Contactos

Morada:
Rua da Igreja 4600-681 Lufrei
Telefone:
+351 255 810 706
Fax:
+351 255 810 709


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Mosteiro de Santa Maria da Vitória - Batalha

Mosteiro de Santa Maria da Vitória - Batalha

Monumentos

Perto do local onde se ergue o Mosteiro da Batalha ocorreu, no dia 14 de Agosto de 1385, um acontecimento decisivo para a consolidação da nação portuguesa: D. João, Mestre de Avis e futuro rei de Portugal venceu os exércitos castelhanos na batalha de Aljubarrota. Esta vitória pôs termo a uma crise dinástica que se arrastava desde 1383, aquando da morte do rei D. Fernando, cuja única filha era casada com o rei de Castela, pretendente ao trono de Portugal.

D. João dedicou o mosteiro à Virgem Maria, que havia invocado para interceder pela vitória junto de Deus e doou-o à Ordem Dominicana, a que pertencia o seu confessor. Esta foi a razão de ser do nascimento de uma obra cuja construção se iria prolongar por quase dois séculos e que resultou num dos mais fascinantes monumentos góticos da Península Ibérica. O valor arquitectónico e o significado histórico foram os motivos para elevar o edifício a Património Mundial, em 1983.

Para além de uma visita obrigatória ao interior, se puder, não perca o espectáculo da iluminação nocturna do Mosteiro da Batalha, que realça a sua exuberante beleza e confere à pedra rendilhada uma expressão de magnificência que não irá esquecer.

Contactos

Morada:
Largo de Santa Maria da Vitória
2440-109 Batalha
Telefone:
+351 244 765 497
Fax:
+351 244 767 184


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Castelo e Conjunto Urbano da Vila de Óbidos

Castelo e Conjunto Urbano da Vila de Óbidos

Monumentos

Em todo o conjunto urbano é possível perspectivar o carácter medieval desta vila. Toda ela cercada por altas muralhas, tem uma estrutura urbana que se define a partir da alcáçova, entradas e praça de armas.
Contactos

Morada:
Óbidos


Calcular
É necessário seleccionar um ponto de partida.

Páginas

Pesquisa avançada
Planeamento Veja os favoritos que selecionou e crie o seu Plano de Viagem ou a sua Brochura.
Esqueceu a sua password?
Faça login através de redes sociais
*Aguarde por favor. *As instruções de recuperação de password serão enviadas para o seu e-mail. *E-mail não enviado. Tente novamente.
Faça login através de redes sociais

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação e não guarda dados identificativos dos utilizadores.
Poderá desativar esta função na configuração do seu browser. Para saber mais, consulte os Termos de Utilização

close